Como preparar sua equipe de vendas para fugir dos devedores

Quando uma pessoa não realiza o pagamento de uma dívida ela corre o risco de participar, mesmo que sem querer, da lista de inadimplentes. Essas pessoas são as mais temidas dos gestores de qualquer negócio, por isso, reunimos dicas que podem ajudar a você a preparar a sua equipe de vendas para fugir dos devedores e manter uma gestão financeira equilibrada no seu negócio.

1 – Analise o crédito

O primeiro passo a ser tomado, é realizar uma análise de crédito do possível comprador. Essa análise pode ser realizada junto à empresas especializadas e/ou entidades de proteção ao crédito. Podemos citar aqui, nomes como o SPC, o Serasa, a associação empresarial da sua cidade ou, até mesmo, na internet.

2 – Aumente o crédito

Aumente o crédito de acordo com o relacionamento que você construiu com o consumidor. Abrir uma linha de crédito grande, ainda na primeira conta, é um risco desnecessário a se correr. A dica é aumentar o crédito a medida que o relacionamento entre empresa e comprador vai se consolidando.

3 – Forneça nota fiscal

A terceira dica é: não venda sem nota fiscal. Além de ser uma prática ilegal, deixa você desamparado caso precise acionar o comprador.

4 – Peça referências

As referências comerciais são importantes aliadas na hora de conhecer os inadimplentes na praça. Solicitar referências comerciais, bancárias e pessoais pode auxiliar na hora de vender para alguém e não ter transtornos posteriores.

5 – Prefira pagamento em cartão

Apesar do custo financeiro com cartões, solicitar o pagamento via cartão de crédito ou débito é essencial na hora da dúvida, pois, caso o cliente fique inadimplente, a dívida será com a administradora do cartão.

6 – Contratos

Quando os volumes de vendas são mais expressivos, indica-se que ambos os lados, empresa e consumidor, firmem um contrato. A empresa poderá solicitar que o consumidor forneça algum tipo de garantia e aval de terceiros (analise o crédito).

7 – Padrões de consumo

É essencial para a empresa, compreender e entender os padrões de consumo desse cliente. Caso o cliente seja uma empresa, sempre que possível, busque entender o seu negócio. Essas atitudes, ajudam a identificar os padrões de consumo dos clientes e, também, a melhorar as vendas futuras.

8 – Se for arriscado, não venda

Ninguém sente satisfação ao perder uma venda, por isso, muitas vezes, o ato de não vender representará um ganho financeiro enorme e que sempre deverá ser considerado. Se você encontrou um cliente e está em dúvidas entre vender ou não: não venda.



Deixe uma resposta