Como fugir da inadimplência no varejo?

02/12/2020Por: Ney Eurico PereiraCategoria: Cobrança
Descubra como fugir da inadimplência no varejo | Bettega

Vender é sempre o foco de uma empresa do setor de varejo. Porém, nem tudo são flores e por vezes clientes acabam esquecendo de realizar o pagamento e se tornam inadimplentes. 

As estratégias para fugir da inadimplência precisam estar sempre ativas em uma organização. Isso porque esse é um problema recorrente que pode acabar trazendo sérios gargalos para o setor financeiro, principalmente quando se trata de um micro ou pequeno empreendedor. 

Os atrasos no pagamento podem acarretar em consequências bastante sérias, como: redução do fluxo de caixa, cortes de custos drásticos e até a necessidade de o gestor solicitar empréstimos.

É necessário evitar de todas as maneiras essa faixa de risco causada pela inadimplência. Foi pensando nisso que reunimos cinco dicas para te ajudar a fugir da inadimplência no varejo. 

Neste artigo você vai encontrar os seguintes tópicos: 

  • Consultas de serviços de análise de crédito
  • Análise do histórico do cliente
  • Valorização de bons pagadores
  • Tipos de pagamentos seguros para o seu negócio
  • Gestão eficiente de contas 
  • Como resolver a inadimplência?

1- Consulte os serviços de análise de crédito

Essa é uma ação bem importante, principalmente quando estamos falando de clientes novos. A consulta aos serviços de análise de crédito pode ser realizada através de empresas de proteção ao crédito como o Serasa Experian, SPC e outras associações comerciais.

Por vezes, essa consulta tem um pequeno custo para o seu estabelecimento. Contudo, ele vale a pena, pois caso o cliente não tenha um bom histórico como pagador em outros estabelecimentos, a cobrança deve ser feita através de um formato de pagamento seguro, como o cartão de crédito. 

2- Tenha o histórico do cliente sempre em mãosDescubra como fugir da inadimplência no varejo | Bettega

Tenha o histórico de pagamento do seu cliente sempre em mãos para um controle mais rígido sobre essa questão. 

Isso pode ser feito manualmente em planilhas, cadernos ou softwares.

Procure destacar o histórico de compra e venda de seus clientes, os valores finais, e os valores pagos. Isso ajuda a diferenciar quem sempre realizou o pagamento corretamente dos maus pagadores. 

Mesmo porque um cliente que costuma atrasar muito seus pagamentos pode não valer a pena ser mantido, não é mesmo?

3- Valorize os clientes que são bons pagadores

Existem muitos clientes que são, de fato, bons pagadores. Para eles é possível oferecer um tratamento diferenciado. O bom pagador pode ter a vantagem de parcelar sua compra em mais vezes, e até mesmo receber descontos no pagamento adiantado. 

Esse tipo de ação pode fidelizar ainda mais esse cliente e motivá-lo a continuar sendo um bom pagador. 

Caso ele esqueça de pagar uma conta e acabe ficando inadimplente, procure saber o que aconteceu e encontrar a melhor maneira de resolver a situação.

Pode ser que ele precise apenas de alguns dias a mais para realizar o pagamento, devido a uma situação inesperada ou por uma questão de saúde. Ser compreensivo nessas horas mostra para o cliente que ele pode confiar em você. Por isso a melhor coisa a se fazer é utilizar a abordagem de uma cobrança amigável. 

Por fim, esse bom pagador voltará a comprar com você mais vezes no futuro.  

Saiba mais sobre cobranças no artigo: Você conhece a cobrança amigável? Descubra como ela pode ser útil para sua empresa

4- Tipos de pagamentos mais seguros para o seu negócio 
Descubra como fugir da inadimplência no varejo | Bettega

O formato do pagamento oferecido para seus clientes impacta diretamente no setor financeiro e pode, sim, acabar ou até mesmo diminuir a inadimplência. Uma das provas disso é a segurança que seu negócio tem nos recebimentos de pagamentos feitos por cartão de débito ou crédito. 

Ao oferecer a opção de pagamento por cartão de crédito, seu financeiro não ficará dependendo da memória do cliente para receber o pagamento. 

É bastante comum que as pessoas saiam de um estabelecimento com um boleto, por exemplo, e esqueçam de realizar o pagamento na data correta. Esse problema pode ser evitado facilmente com o cartão, pois a cobrança cai direto na fatura dele. 

Em caso de parcelamento de valores, a cobrança acaba sendo feita automaticamente depois do pagamento. 

5- Mantenha uma gestão eficaz das contas

O bom gerenciamento financeiro, além de essencial para todo negócio, mantém as contas a receber e a pagar com a devida organização. E isso também ajuda a lidar melhor com uma situação de inadimplência ocorrida na sua empresa.

Em muitos casos, a desorganização do caixa da empresa e a falta de acompanhamento com as entradas e as saídas “escondem” o cliente inadimplente por algum tempo. 

O ruim é que essa situação acarreta em um grande problema no seu negócio, pois torna a cobrança mais difícil e o furo do seu financeiro acaba permanecendo por mais tempo do que deveria.

Como resolver a inadimplência? 

Sua gestão colocou todas as práticas citadas acima e ainda assim você possui clientes inadimplentes? Então é hora de seguir para o próximo passo: a cobrança! 

Se as cobranças serão realizadas pela sua equipe, é importante que essas pessoas estejam a par de algumas questões legais ligadas ao processo, até mesmo a política de cobrança da sua empresa.

Como falado anteriormente, uma abordagem amigável é essencial. Isso não irá prejudicar a relação da loja com o cliente e também poderá fazer com que a situação se resolva de maneira mais rápida. 

Caso seu negócio de varejo não tiver como dar conta de realizar as cobranças, conte com uma empresa especializada no assunto. 

Sua equipe financeira irá realizar as cobranças dos clientes inadimplentes? Então confira o eBook: 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter
Problemas com cobrança?

temos a solução para sua empresa.

Suas informações foram enviadas com sucesso. Em breve nossa equipe entrará em contato.

Seu e-mail foi adicionado a nossa lista. Em breve você receberá nossas novidades no seu e-mail